Arquivo da tag: qsl

CY9M: QSL pronto para ser enviado

O organizadores da DXpedição CY9M apresentaram o layout do QSL que será enviado aos que solicitaram confirmação via direta ou bureau. “O QSL é a cortesia final de uma QSO”, nestes tempos de LoTW e eQSL, abrir um envelope de dar de cara com um desses é muito mais excitante que ver uma fria confirmação no computador.

 

QSL.Window: Informações para Radioescutas

Para um radioescuta “normal” quanto mais fraco é o sincal, mais rara é a estação melhor! Mas escutar é só parte do problema. Depois de sintonizar os débeis sinais da emissora de rádio, o radioescuta entra no calvário da confirmação da escuta através do QSL. O projeto QSL Window é uma iniciativa conjunta de alguns radioescutas experiêntes de compartilhar informações como endereços postais e emails confirmadas para facilitar o contato com as emissoras de rádio.

Abaixo, comunicado veiculado na lista QRP-BR:

Como resultado de uma atividade iniciada em 2010 entre Fabricio Silva (Tubarão SC) e Rudolf Grimm (São Bernardo SP), e tendo a boa colaboração do Rubens Pedroso (Bandeirantes PR), estamos disponibilizando a lista ‘QSL.window’ a todos quantos tem ou que desejam ter em seus objetivos o recebimento / incremento de confirmações de emissoras de rádio.

Uma compilação de endereços atualizados baseada nas respostas obtidas das próprias estações de rádio ao lhes serem enviados os informes de recepção (estações ondas médias, curtas, FM e utilitárias, brasileiras e do exterior).

Não se trata de uma lista com uma grande quantidade de endereços / e-mails migrados da Internet ou de publicações conhecidas, mas sim, a mesma reflete o resultado da própria atividade de cada um de nós num bom tempo de levantamento de informações obtidas nas respostas de cada uma das estações reportadas. As imagens destas confirmações em sua grande maioria foram divulgadas nos blogs de cada um de nós como parte do objetivo desta atividade. O arquivo está disponibilizado em Acrobat Reader (.pdf) para leitura em tela, impressão local, e também para download, plenamente gratuito, livre e aberto a todos que desejarem utilizar os seus dados.

O desejo é que todos façam um bom uso destas informações. Pretende-se editar novas edições sequencialmente (incremento na própria lista atual), à medida que novas informações forem sendo recebidas das emissoras de rádio.

Aceita-se neste projeto a participação de outros radioescutas do Brasil e do exterior, para as próximas edições. Para tanto, deve ser feito contato com: grimm.r@uol.com.br (R. Grimm) e também com honolavel@yahoo.co.uk (F. Silva).

73,

Rudolf Grimm / Fabricio Silva

+ Rubens Pedroso

Para acessar o arquivo do QSL.window clique aqui.

Fim do QSL por 1 Centavo

Muitos radioamadores brasileiros encontraram no serviço dos Correios chamado de Carta Social uma forma mais barata (custo de 1 centavo) para enviar seus QSLs dentro do Brasil. Entretanto, o Governo Brasileiro anunciou mudanças para utilização deste serviço a partir de 12 de março de 2012.

1gaavpqkd2c0c2if

A portaria número 553 de 12 de Dezembro de 2011 do Ministério das Comunicações modifica a forma de acesso ao serviço dos Correios chamado de Carta Social. A principal mudança será que, a partir de 12 de março de 2012, o serviço só poderá ser utilizado por pessoas beneficiadas pelo Programa Bolsa Família. Segundo a portaria “O nome do remetente constante da Carta deverá ser idêntico ao do titular do respectivo cartão de beneficiário do Programa Bolsa Família ou dos seus dependentes”.

Desta forma, se você não for bolsista do programa de transferência de renda do Governo Federal, não poderá continuar enviando seus QSLs através da modalidade Carta Social, ao custo de R$ 0,01; terá que usar a modalidade Carta Não Comercial.

Fonte: QTC DX

Devorando o Cartão QSL

O gerbilo é um animal de estimação não-recomendado para RADIOAMADORES!

Mongolische_WuestenrennmausO gerbilo ou rato-do-deserto é um pequeno mamífero da ordem Rodentia (Roedores), sub-família Gerbillinae. A subfamília dos gerbilos inclui aproximadamente 110 espécies de roedores africanos, indianos e asiáticos. A maioria desses são animais noturnos, e quase todos são onívoros. Uma das espécies, Meriones unguiculatus, também conhecido como esquilo da Mongólia, se tornou um popular animal de estimação. Os gerbilos têm como alimentação sementes, raízes e frutos. E eventualmente QSLs!

Fonte: Wikipedia

Log de Navassa (KP1) completo após 18 anos

Vista aérea da costa de Navassa

Para quem está no DXismo a mais de 18 anos, teve a oportunidade de trabalhar Navassa (KP1) que foi ao ar pela última vez em 1993. Porém, receber o QSL não era tarefa fácil desde que o QSL Manager e Team Leader, Vance LePierre W5IJU (e N5VL) morreu à alguns anos.

Localização da Ilha de NavassaA ilha de Navassa tem uma área de aproximadamente 5,2 km². Está situada numa localização estratégica à 160 km ao sul da Base Naval da Baía de Guantánamo, pertencente aos Estados Unidos em Cuba, e no caminho entre o Haiti e a Jamaica, no Canal da Jamaica (fonte: wikipedia).

Um dos operadores da DXpedição, estava fazendo o papel de QSL Manager, porém ele tinha apenas algumas partes do log, basicamente dos horários nos quais ele operou.

Com a ajuda de Dave, N9DI (na época da DXp KB4VLO), eles conseguiram contato com a esposa de Vance, após uma longa conversa, eles receberam os logs originais completos da DXpedição.

Com os Logs da DXpedição Navassa de 1993 em mãos, Jun OE1ZKC/JH4RHF/KH2S, está assumindo a posição de QSL Manager e já pode receber solicitações de QSL.

Caso você ainda precise confirmar: W6IJU/KP1, NF6S/KP1, KH2S/KP1, KH2W/KP1 e KH2Y/KP1, pode solicitar QSL de papel enviando SASE com informações do QSO para:

Jun Tanaka
Box 1200
Vienna
A-1400 Austria

Jun também está trabalhando para converter todo o log para um formato digital e enviar para o LoTW, além de disponibilizar o log eletrônico para todos os operadores da DXpedição para que eles também possam, se desejarem, confirmar seus próprios contatos.

Dúvidas, entrar em contato com jh4rhf@arrl.net

Fonte: OE1ZKC

PU8TEP: O DXista e o QSL

Ainda lembro quando recebi meu primeiro cartão de QSL. Já praticava DX há algum tempo – sem nem mesmo saber o que era isso, mas depois que recebi o primeiro QSL de Alexandre, PU2TAC na “Magic Band” – 50MHz, logo tratei de saber como o responderia; qual era a prática dos QSLs e como fazer para ser encontrado pelos outros DXers. Assim, ingressei em uma das muitas tradições que tornam o Radioamadorismo fascinante.

PY6HD

FO5RU

 

 

 

 

 

 

 

Descobri o QRZ.com, fiz meu cadastro e depois disto recebi uma “chuva” de QSLs. Era caixa de correio cheia o tempo todo. Alguns com o “selos verdes” americanos, outros com envelope auto endereçado e Cupons Response Internacional. Nossa, aquilo era uma alegria.

Logo começaram a chegar cartões de forma direta, mas sem o porte de retorno. Achei normal , respondi a todos de forma direta também, isso também faz parte.

Junto aos serviços de Correios brasileiro descobri que poderia enviar “Carta Social” pagando apenas R$ 0,01 (um centavo) e a partir daí adotei esta prática para QSLs brasileiros, assim o custo não seria significativo.

E os cartões para o exterior? Estes sim, deram uma certa dor de cabeça. Tinha que pagar R$ 1,05 para os EUA e R$ 1,15 para a Europa. Até que não parece problema para quem recebe 10 ou 15 cartões por mês, mais para quem recebe de 200 a 300 – ou mais – chega a ferir o orçamento da família.

No meu QRZ.com expus as formas de como obter meu QSL. Fui criticado por colegas daqui de Roraima, disseram que eu estava cobrando por QSL. Pra quem recebe poucos QSLs isso parece ser prática “mercenária”.

A quem está começando no DXismo, recomendo criar seu perfil no QRZ.com, e informar como conseguir seu QSL. É bom manter seu QRZ sempre atualizado. Além do QRZ, inscreva-se no LoTW (Logbook of The Word) para facilitar a confirmação de QSOs.

Depois que ingressei no LoTW (Logbook of The Word), consegui respirar aliviado, pois a quantidade de QSLs sem porte de retorno diminuiu bastante.

Faça DX e divirta-se com cada “figurinha” trabalhada, depois reviva a emoção do contato quando receber o QSL referente àquele QSO. Isso é muito prazeroso.

A ARRL anuncia nova estrutura e taxas para o bureau de QSL

Buro de QSLA Liga Americana da Radioamadores- ARRL, que financeiramente comparada a nossa LABRE, é "biliardária", não oferece gratuitamente o envio de QSL DX ou local, para seus associados. Também não possui as facilidades que a nossa CEF nos oferece sem custos. Lá, além de pagar para o envio, o associado, para receber seus QSL, no seu QTH, se não quiser retira-los na sede da ARRL, tem que pagar também o envio pela ARRL.

Pois bem, a ARRL anunciou no início de janeiro a novas taxas para seu bureau de QSL:

A partir de 17 de janeiro de 2011, uma nova estrutura tarifária entrará em vigor para o envio de QSL, pelo ARRL QSL Service. Com a nova estrutura, os radioamadores já não terão necessidade de contar os QSL a serem remetidos e, em seguida, palpitar sobre o valor a pagar com base em uma taxa de meia libra; a simples pesagem dos cartões é tudo que ele precisa para determinar qual o QSJ a enviar para o ARRL bureau. Esta nova estrutura também comtempla um pequeno aumento da taxa, em resposta as postagens recentes, os custos de transporte e manuseio.

A última revisão tarifária para o Serviço de remessa de QSL foi em janeiro de 2007. Apesar de os custos do transporte marítimo internacional permanecerem estáveis ao longo dos últimos quatro anos, os custos de transporte doméstico subiram mais de 16% desde 2007, enquanto os custos de material e tratamento continuam a subir de 1 a 2 por cento cada ano.

A nova taxa será:

2 dólares para até 10 cartões em um envelope.
3 dólares para 11 a 20 cartões em um envelope ou
75 centavos de dólar por 62,5 gramas (1 onça), para pacotes a partir 21 cartões.

Por exemplo, um pacote contendo 1,5 quilos (24 onças) ou aproximadamente 225 cartões, vai custar 18 dólares. Os radioamadores que tiverem alguma dúvida sobre o serviço de remessa de QSL da ARRL ou sobre as taxas de utilização do serviço, por favor, enviá-los via e-mail para buro@arrl.org.

Aplicando esta estrutura no Brasil, para nossa pobre LABRE, teríamos:(dolar a 1,6725 em 25/01/2011)

R$ 3,34 para até 10 cartões em um envelope.
R$ 5,01 para 11 a 20 cartões em um envelope ou
R$ 1,25 por 62,5 gramas, para pacotes a partir 21 cartões.

Por exemplo, um pacote contendo 1,5 quilos (24 onças) ou aproximadamente 225 cartões, vai custaria R$ 30,06.

Normalmente os bureaus das nossas LABRE nos diversos estados, cobram R$ 0,10 para enviar QSL DX, por cartão, ou seja, 225 cartões, custariam R$ 22,50, mais baratos do que os R$ 30,06 cobrados pela ARRL.

É do conhecimento de muitos, que existem colegas, que acham que a nossa LABRE, com os poucos recursos que dispõe, pela fala de espirito associativismo da grande maioria dos radioamadores, deveria enviar seus QSL gratuitamente, já que ele paga (extraordinários R$ 10,00 por mês) e ainda querem ter direito a cafezinho, agua mineral gelada e uma sede a altura para comparecer, quando lhe convier, sem obrigações e compromissos com a entidade.

Aplicando-se esta gratuidade para aquele associado que faz em média 200 contatos por mês, que paga R$ 120,00 por ano como sócio, daria uma despesa de R$ 240,00 aos cofres da LABRE, em remessa de QSL. Não tem associação que sobreviva. Nosso grande erro, é ser sócio, apenas visando receber benefício deste tipo e não pensando na importância da associação, que pode oferecer outros benefícios, muito mais importantes para a nossa classe, do que a remessa gratuita de QSL, que nem a ARRL faz isso.

Pense nisso.

Autor: Ed, PS7DX

Hitler não estava no Log

Hitler_nilUm vídeo muito engraçado circula na Internet fazendo uma paródia com o ditador Hitler. No vídeo, Hitler surta ao descobrir que não está no log de uma estação rara e seu QSL foi devolvido. Ele alega que tinha certeza que trabalhou a estação com 599 e que com 10kW e 8 elementos para 80m ele seria o melhor sinal da Europa. Depois de muito esbravejar, reconhece que deve acontecido alguma sabotagem. Do lado de fora da sala, sua secretária consola uma assistente dizendo que ele não vai descobrir que ela danificou o cabo coaxial dele. hi hi hi

Nota: NIL, ou Not In Log, é um termo comum no meio DXista; quer dizer que o contato não aparece no log e não pode ser confirmado com um QSL.

PX8W: Amapá em CW e SSB

O Amapá, um dos Estados brasileiros mais raro, estará no ar após 12 anos sem atividade DXista. Localizado na foz do Rio Amazonas e lugar de abundante beleza, o Amapá será levado ao ar por Alex, PY2WAS que utilizará o indicativo PX8W nos dias 1 e 2 de agosto de 2009. Ele espera operar em 80-10m em CW e SSB. QSL via PY2WAS (bureau ou direta).